“alone at night I read my bible more and euklid less”

Hyde Park. Caminhadinha de light pelo parque. Estava bem frio, com aquele vento cortante londrino típico. Quero voltar por lá de novo quando a primavera estiver chegado de verdade. Os jardins ainda estão com cara de inverno, mas ainda assim deu para aproveitar. Fiz a caminhada às margens do lago The serpentine.

IMG-20130401-00215 IMG-20130401-00217The Lido Café. Café super famoso dentro do parque. Uma delícia e: a cara da ryqueza. Tomei aquela sopinha esperta com um pão caseiro de cereais muito gostoso no almoço. Aqui está o site: http://www.thelidocafe.co.uk/. Deve ser muito gostoso lanchar no jardim no verão.

Diana, Princess of Wales Memorial Fountain. Como o nome diz, é uma homenagem à Princesa Diana, que morreu em 1997. O memorial foi inaugurado em 2004, pela rainha, Prince Charles, os filhos e o irmão da Diana. Escolheram o parque por ser um lugar acessível, como era a princesa. As pessoas podem entrar na água, lavar as mãos e os pés. É um espaço de contemplação.

The Serpentine Gallery. (http://www.serpentinegallery.org) Meu passeio todo foi planejado para ir nesse lugar que fechará no dia 08 de abril para uma reforma e só reabrirá em junho, então eu precisava correr. É uma galeria de arte moderna e contemporânea, situada nos Kensington gardens. É um lugar relativamente pequeno, mas muito acolhedor. Gostei muito. Fica em um tea pavillion clássico de 1934, de acordo com o sr. Wikipedia. A exposição atual (13 de fevereiro – 7 abril) é da Rosemarie Trockel chamada A cosmos.   Achei meio fuén, mas… Enfim. Do lado de fora, tem a escultura dos artistas Fischli/Weiss, Rock on the top of another rock (7 de março 2013 – 6 de março 2014). 

Museu da Vitória e do Alberto. (http://www.vam.ac.uk/) Fui em direção à primeira estação que vi, South Kensington. Ingênua, não sabia que o túnel de entrada para a estação era uma das entradas do V&A. Tive que dar uma espiadinha, mesmo que meus pés doloridos estivessem me implorando para ir para casa. Gente, que lugar incrível. Eu me obriguei a só caminhar pelo lugar, sem parar em nada e já fiquei maravilhada com tudo. Voltarei em um dia de semana e ficar por horas ali. E, claro, um dia só será para me maravilhar com a exposição do David Bowie. ❤

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: